[Resenha] Mil Beijos de Garoto – Tillie Cole

Mil beijos

Título: Mil Beijos de Garoto
Autor(a): Tillie Cole
Editora: Planeta
Páginas: 400
Ano de Publicação: 2017

Um beijo dura um instante. Mas mil beijos podem durar uma vida inteira. Um garoto. Uma garota. Um vínculo que é definido num momento e se prolonga por uma década. Um vínculo que nem o tempo nem a distância podem romper. Um vínculo que vai durar para sempre. Ao menos era o que eles imaginavam. Quando, aos dezessete anos, Rune Kristiansen retorna da Noruega para o lugar onde passou a infância – a cidade americana de Blossom Grove, na Geórgia –, ele só tem uma coisa em mente: reencontrar Poppy Litchfield, a garota que era sua cara-metade e que tinha prometido esperar fielmente por seu retorno. E ele quer descobrir por que, nos dois anos em que esteve fora, ela o deletou de sua vida sem dar nenhuma explicação

♥♥♥

Olá pessoal, tudo bem? Espero que sim e se querem continuar bem, sem passar por fortes emoções e longos períodos de lágrimas, angústia e nó na garganta, sugiro que deixem para ler esse livro em um outro momento, mas claro, não importa o tempo que leve, vocês PRECISAM ler esse livro. Mil beijos de garoto, apesar de ser um título que causa certa estranheza, pois muitos moralistas já pensariam “Lá vem erotismo, sensualidade…” kkkk Mas posso dizer com toda certeza que não tem NADA disso. É uma história encantadora, poética, sensível, doce, meiga, leve e com uma carga emocional elevadíssima, o drama ali é transmitido de forma muito tocante, que não tem como não chorar, a pessoa que ler esse livro e não derramar uma lágrima não é normal, desculpe a sinceridade, mas vamos à história.

O livro conta a história de Poppy Litchfield e Rune Kristiansen, que desde criança nutriram uma amizade infinita e bonita desde o primeiro momento que se conheceram. Eles são vizinhos, então todos os dias eles fortaleciam essa amizade com novas aventuras e muito companheirismo. Até o dia em que a avó de Poppy, antes de morrer, deixa para a neta uma espécie de herança e missão ao mesmo tempo, um pote com mil coraçãozinhos de papel, em que ela teria que escrever sobre o beijo que fizesse seu coração disparar, quase explodir e assim viver os mais belos momentos e guardá-los no pote. Rune não gostou disso e com seu jeito tempestuoso e meio dominador, mesmo sendo criança, assume o papel desse garoto do pote e desde então, eles passam a namorar. Anos depois Rude recebe dos pais a notícia de que precisam se mudar e mesmo prometendo voltar, Rude não aceita essa mudança, mas sem saída é obrigado a ir, ele pede a Poppy que esperem por ele e que mantenham contato.

WP_20180317_13_42_19_Raw
Foto de @cailessales

Mas com o passar do tempo, Poppy não responde mais a mensagem dele e isso causa uma revolta sem tamanho em Rude, além de se tornar uma pessoa fria, se envolve em todo tipo de problema e passa o punir os pais e até seu irmãozinho pelas coisas que aconteceram.  Até surgir o momento em que eles precisam voltar para a cidade de Poppy e Rude mesmo decidido a esquecê-la e ignorá-la decide investigar e correr atrás da verdade, para pelo menos tentar entender o que aconteceu e porque o amor que foi jurado por ele terminou em tão pouco tempo. E é claro que revelações vão acontecendo e quem lê acaba caindo em um mar de tristezas, mágoas e uma raiva incontrolável por tudo que está acontecendo.

Tillie Cole foi incrível, ela soube explorar completamente o emocional do leitor e arrancar quantas lágrimas quisesse, até lembrei do autor Nicholas Sparks com obras tão fortes que ninguém consegue esquecer até hoje, como Um amor para recordar, A Última Música, Diário de uma Paixão, Querido John. Então é possível perceber como eles manipulam com maestria os sentimentos dos leitores. Mil Beijos de Garoto é incrível, me fez valorizar a vida, teve passagens muito delicadas.

– Porque nada tão perfeito pode durar uma eternidade. Como as estrelas cadentes. Vemos as estrelas comuns toda noite. A maioria das pessoas não dá valor, até esquece que estão ali. Mas, se uma pessoa vê uma estrela cadente, ela se lembra daquele momento para sempre, até faz um desejo na presença dela – Ela respirou fundo. – Ela passa tão rápido que as pessoas saboreiam o tempo curto que têm com ela.” (pág. 63)

Essa é uma das passagens mais lindas, mas o livro me trouxe um sentimento muito bom, apesar de toda essa carga pesada e dramática, ele passa ensinamentos maravilhosos, como essa comparação das estrelas com estrelas cadentes, desperta para muitas reflexões e acredito que a principal delas é o valor que precisamos dar as coisas, ao mundo, por estarmos vivos e podermos sentir a natureza, o sol, a vida…

Estou muito feliz com o livro, valeu muito a pena adquiri um livro tão lindo por dentro e por fora, aliás que capa LINDA, a editora Planeta está de parabéns e a autora também. Graças a todo esse trabalho e criatividade eles construíram um livro “Tão especial quanto é possível ser especial”.

Tenham uma ótima leitura!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s